14 de novembro de 2012

Capítulo 15 - Wedding Bells


As paredes brancas daquele hospital estavam me enlouquecendo! Acrescentado a isso,havia o fato de eu estar tentando ligar para a Demi desde que cheguei, sem retorno. Meu coração encontrava-se pequeno, espremido contra o peito. Eu precisava fazê-la me ouvir, me entender... Me perdoar. 

- O acompanhante da senhorita Greene? – o médico disse ao entrar na pequena sala de espera.
- Eu. – respondi me levantando e sentindo minha perna vacilar ao realizar tal ato.
- Sr.... – o médico começou.
- Jonas. Sou noivo dela e pai do bebê. – respondi.
- Certo, Sr. Jonas. Bem, a senhorita Greene passa bem, ela está com uma anemia em estado avançado o que provocou o sangramento. Eu já prescrevi uns remédios que a ajudarão a recuperar vitaminas e ferro. Ela precisa alimentar-se melhor e sair um pouco de casa, os raios do sol ajudam a metabolizar algumas vitaminas essenciais pra ela. – ele disse de braços cruzados e olhando pra mim, que ouvia a tudo atentamente.
- E quanto ao bebê? – perguntei meio apreensivo.
- Ele está bem, apesar da alimentação da mãe não ser das melhores. Se ela fizer tudo direitinho, o bebê será bem saudável. –ele disse com um sorriso no rosto e me fazendo sorrir também. Alívio, foi o que senti. Meu filho estava bem.
- Quando ela poderá ir pra casa? – perguntei ao médico.
- Ela ficará em observação por vinte e quatro horas. Vou deixar o Sr. vê-la e depois aconselho ir para a casa. Sua noiva e seu filho ficarão bem. – disse e, em seguida, me acompanhou até o quarto onde Ashley estava.

Ao entrar na sala, o médico disse que teria dez minutos com ela e depois teria que sair, deixá-la descansar. Caminhei devagar até Ashley que me olhava sorrindo de leve, mas com os olhos tristes.

- Oi. – comecei a dizer.
- Oi. – ela respondeu com a voz fraca.
- Que susto, não?! – disse sorrindo fraco.
- Parece que ele já sabe sobreviver as minhas loucuras né?! – ela disse olhando para seu ventre.
- É bom ele se acostumar com a mãe que tem. – disse sorrindo e acariciando a mão dela.
- Desculpa mais uma vez Joe. – ela disse me olhando com os olhos marejados. – Quase matei nosso filho com essa minha estupidez toda.
- Tá tudo bem. – eu disse, agora passando as mãos por seu rosto pálido. – Agora é só fazer o que o médico disse e cuidar direitinho dessa saúde. O bebê depende de você, Ash.
- Vou fazer isso. – ela disse sorrindo brevemente. – Agora você vai pra casa e descansa ok?! Nós ficaremos bem.
- Eu sei que ficarão. – disse sorrindo e depositando um beijo na testa dela. – Se precisar de algo ou se qualquer coisa acontecer, me liga ok?!
- Ok! – ela disse fechando os olhos lentamente e sinal de sonolência. Acariciei o rosto dela mais uma vez e me afastei, saindo do quarto.

No caminho de casa foi inevitável não pensar em Demi e o que eu faria pra que ela me ouvisse. Já passavam das dez da noite, ela provavelmente estava dormindo, então decidi que, amanhã eu a esperaria na saída do colégio. Ela não ia ter como fugir.

Estacionei o carro na garagem e caminhei de cabeça baixa até a porta da minha casa. Meus pensamentos confundiam-se e colidiam-se entre si. Uma confusão, era assim que se encontrava minha cabeça naquele momento. E eu não sabia por onde começar a concertar as coisas.

Entrei em casa e não me dei ao trabalho de ascender a luz. Subi direto para o meu quarto no intuito de tomar um banho e cair na cama. Já me encontrava no quarto degrau quando uma voz vinda da sala me fez parar no mesmo instante.

- Joe – Demi disse com a voz fraca.
- Demi? – disse descendo as escadas quase correndo.
- Desculpa ter ficado aqui, mas acho que a gente precisa conversar, certo? – ela disse com a voz falha e, forçando a vista, pude ver que ela havia chorado.
- Porque não atendeu ao celular? Liguei um milhão de vezes pra você e... – comecei a dizer meio desesperado.
- O que temos pra conversar não é algo que pode ser discutido pelo telefone, Joe.  – ela me interrompeu com a voz um pouco mais firme.

Um minuto de silêncio se seguiu e, com a visão mais acostumada com o escuro em que a sala estava mergulhada, pude ver a expressão dela. Era um misto de tristeza e algo mais que não pude decifrar, e essa minha impossibilidade de ler os sentimentos dela me assustou.

Respirei fundo e, juntando toda a força que tinha em mim, comecei a conversa que, por muito tempo, foi temida por mim.

- Demi, eu ia te contar. – disse e fiz uma breve pausa, esperando que ela me interrompesse ou esboçasse qualquer reação de deboche por essa minha frase tão clichê. Nada. Continuou parada de frente para mim e com os braços cruzados. – Eu fiquei com medo de perder você e eu não podia simplesmente deixar a Ashley grávida e no estado em que ela estava.
- Quanto tempo? – foi o que ela perguntou com a voz tão fria que me fez estremecer.
- Três meses. – respondi simplesmente.
- Então você me fez acreditar durante todo esse tempo que ficaríamos juntos quando na verdade você estava cuidando da noivinha e do seu filho. – ela disse e, dessa vez, além de frieza a voz dela tinha algo a mais: raiva.
- Demi eu ia te contar eu só estava tentando encontrar a melhor solução. – disse com o desespero estampado na minha testa.
- Ah claro! – ela disse descruzando os braços e os jogando ao lado do corpo. – Porque mentir pra mim é um solução realmente genial.
- Era temporário. Demi por favor, tenta me entender. – eu disse dando um passo em direção a ela, mas parei quando a vi recuar. Ela estava fugindo de mim?
- Não quero saber se era temporário ou não. O fato é que se você não se separou dela por causa do filho, o que te faria deixá-la durante a gravidez? Pior, depois que o bebê nascesse, você teria a coragem de sair de casa? – ela perguntou com as mãos na cintura.

Tentei responder a pergunta de um modo que não a magoasse. Não consegui. Demi estava certa, eu não teria coragem de deixar Ashley tão cedo. Demi bufou ao perceber o que meu silêncio queria dizer.

- Sabe Joe, - ela começou a dizer depois de passar as mãos pelo rosto. – Quando eu propus pra você que fossemos amantes, devo ter mencionado que era por enquanto, até eu conquistar você e tê-lo só pra mim. Eu podia competir com a Ashley e até me atrevo a dizer que ganhei essa “competição”. – ela disse fazendo aspas com as mãos na última palavra. - Mas sabe, eu não posso competir com um filho...
- Demi, por favor! – eu disse já sentindo meus olhos arderem.
- Eu jamais destruiria uma família. – as lágrimas rolavam livres pelo rosto dela, fazendo meu desespero aumentar. – Essa criança não tem culpa de nada e não merece pagar por erros que ela não cometeu. Ela precisa do pai ao lado, precisa de você.
- Eu preciso de você e é só isso que me importa. – eu disse e no impulso corri até ela sem que Demi tivesse tempo de reação e selei nossos lábios. Um beijo que não foi aprofundado, apenas lábios grudados com toda a força que tínhamos. Molhado pelas lágrimas que desciam de nossos olhos.

Separei os lábios, mas deixei nossas testas unidas. Sentia a respiração dela bater em meu rosto e ainda com os olhos fechados, a ouvi dizer.

- Eu amo você Joe. – ela disse com a voz embargada – Mais até do que imaginei que pudesse.
- Eu também amo você Demi. – eu disse em um sopro de voz – Eu preciso de você do meu lado.
- Eu não posso. – ela disse entre soluços. - Eu não sou forte o suficiente pra isso. Não quero ser a amante pra sempre.
- Mas você não será, é só por um tempo.  – eu disse ainda com as mãos no rosto dela e abrindo os olhos devagar.

Demi riu sem humor e separou mais nossos corpos.

- Você sabe que não será assim. Mesmo depois que a criança nasça, depois que ela cresça... Ainda será seu filho e Ashley ainda será a mãe. Se você decidi ficar comigo, seu filho me odiará por separar vocês dois e eu não quero isso. – ela disse convicta.
- Por favor Demi, não faz isso. – eu disse quase implorando.
- Já tá feito Joe. – ela disse dando de ombros e esforçando-se pra esboçar um sorriso, sem sucesso. – Você vai construir um família, será um pai maravilhoso, um marido que toda mulher quer e terá uma vida completa.
- E quanto a nós? – eu perguntei sentindo meu chão desparecer. Eu estava perdendo a mulher que eu tanto amava. Que me fez mudar meus conceitos e meus sentimentos. Que me fez ser uma pessoa melhor. 
- Ficaremos nas lembranças um do outro. Guardaremos os momentos bons pra nos fazer companhia em momentos de solidão e saberemos que o que tivemos foi de verdade. – ela disse sorrindo.
- Não pode terminar assim. Eu amo você! Isso não pode terminar assim! – eu já gritava em meio as lágrimas, tamanho era meu desespero.

Demi fechou os olhos e quando os abriu, proferiu as palavras finais. O adeus.

- Desejo tudo de bom pra você Joe. – ela disse e caminhou até mim pousando sua mão em meu rosto e me fazendo fechar os olhos. – Jamais esquecerei de você e de quanto eu fui feliz ao seu lado.

Senti a mão dela se afastar do meu rosto, mas não tive coragem para abrir os olhos. Não queria ter que encará-la pela última vez. Não queria que aquilo fosse verdade. Deus, como eu queria voltar no tempo! A porta atrás de mim se fechou e eu abri os olhos com o susto. A sala estava vazia. Ela havia ido embora.


Duas semanas depois...

A aliança em meu dedo anelar esquerdo pesava mais que o normal. Talvez pelo real peso que aquele simples símbolo trazia para a minha vida, talvez por aquela argola dourada me lembrar de tudo o que eu havia perdido ou pelo fato de ela representar o que minha vida seria dali pra frente.

Eu estava casado há dois dias. A cerimônia foi simples, apenas um juiz de paz, amigos próximos e parentes. Nada de igrejas e festas badaladas. Não era necessário. Demi não foi, se é o que estão se perguntando. Os pais dela se desculparam pela ausência da filha que se justificava por uma viagem com uma amiga para uma chácara da família.

Dizer que isso não me magoou seria pura mentira, mas eu a entendia. No lugar dela eu faria o mesmo. O fato é que estava feito. Agora eu era responsável por uma família, por Ashley e por um pequeno ser que ainda estava sendo preparada para a vida aqui fora. Sem espaços para desvios e curvas pelo caminho. Sem espaço para Demi.



Continua...


n/a: Olá lindas! :) Amores eu estou desde as quatro da manhã escrevendo esse capítulo (são oito horas agora) e quase que eu desisto. :S O motivo: tô doente! :/ Minha cabeça dói, não consigo respirar direito e tô com febre. (me amem depois dessa u.u) Aí vocês perguntam: Então porque escreveu se está tão mal? E eu respondo: Não consegui dormir e aí decidi escrever. (porque sim, isso é completamente normal! u.u) O capítulo não saiu como eu queria por motivos já mencionados (afinal, quem consegue pensar direito com a cabeça latejando?! --') mas acho que ficou bom, na medida do possível! O que acharam? Joe e Ashley casadíssimos agora hein?! O que será do nosso casal Jemi? Comentem amores e me contem a opinião de vocês ok?! Milhões de beijos (a distância pra vocês não serem contaminadas com meu vírus u.u) e até o próximo capítulo! :***



COMENTÁRIOS RESPONDIDOS AQUI <3

p.s.: 1. desculpem minhas respostas sem graça, mas, como eu já disse, tô doente! :S 
2. sim, eu sou mimada e quando fico doente uso como desculpa pra tudo! Culpa da minha mãe! u.u 
3. não sei se já comentei isso, mas, a quem interessa, de vez enquanto o sono me faz soltar alguns spoilers nas respostas... :x

33 comentários:

  1. Chorei com esse capitulo :"(
    Meu Deus tudo complicou agora , um filho e agora ele ta casado ! CASADO !
    Coitada da Demi , como ela deve ta sofrendo ! Da o troco Demi !!! RUN"
    Posta logo *_*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tudo muito mais complicado e vai complicar ainda mais! :/
      hahahahaha... tadinha da Demi né?!
      Postei amore! :)
      Bjs! :**

      Excluir
  2. aff comentei e ele sumiuuu
    vey chorei murri de chorar
    postaaaaa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hauahuahuah...
      o Blog te trollou :S
      todos choram :'(
      postei linda!
      bjs!

      Excluir
  3. putz chorei neste cap. e tô vendo q é só o primeiro de muitos ): tadinha da Demi, achei q ela foi bem compreensiva neste lance de filho tipo ñ querendo destruir a família. e o Joe tbm ñ tem culpa ele tah certo em querer cuidar do filho. cara q tenso. esses dois precisam ficar juntos logo...
    e melhoras pra vc linda o cap ficou lindo msm vc ñ se sentindo bem pra escrever. e eu te entendo eu tbm já sou um pouco mimada (muito) doente então..kkkk.
    bjs. fique bem (:

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu quis fazer a Demi bem madura nessa questão, mas pelo fato de não gostar de protagonistas chatas e que implicam com tudo sabe?!
      enfim... acho que será bem difícil deles ficarem juntos agora :S
      Obrigada, já tô melhor ;)
      sou horrível quando tô doente... kkkkkkkkk, mas é tudo culpa da minha mãe, ela que me acostumou assim! u.u
      bjs linda! :**

      Excluir
  4. "O motivo do bilhete e a solução pra tudo, mas mesmo assim quando descoberto não ajudará em nada... #enigma ;)" Eu+ enigma= não combina. MEU DEUS! Eu morri simplesmente com esse capítulo. Cara... o que vai acontecer agora?!?! Eu ainda pergunto isso... ¬¬ haha sério, não vem nada possível na minha cabeça... eu não esperava que eles fossem se casar e nem que a Demi fosse tão madura, como você disse... bom, casamento e separação de Jemi a parte, o capítulo está incrivelmente perfeito *-* Mais curiosa impossível! haha doente? :((( poxa! Melhora, tá, meu amor? A gente espera numa boa pelo capítulo, mesmo que eu esteja quase morrendo e provavelmente esse pessoal todo está_ haha_ nós esperamos você melhorar numa boa, não se preocupa com isso. Apenas descanse, veja vídeos de Jemi para chorar um pouco, e pense em uma forma de ser caridosa conosco e fazer a volta de Jemi o mais rápido possível! hehehe \O Mas é sério, melhoras, amor! Posta quando puder, ok?!

    Mil beijocas,
    Bruna <333

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkk
      tudo fará sentindo no momento certo ;)
      pois é.. eles casaram e mais coisas acontecerão! u.u
      gosto de personagens maduras sabe?!
      a Demi ficou com mais raiva da mentira do que do fato dele ser pai, entende?!
      hahahahahaha
      obrigada amore! <33
      vídeos jemi me deixam depressiva :(( mas eu sou masoquista e vejo assim mesmo u.u hahaha...
      awn, obrigada pela compreensão linda! :D
      postei baby! :)
      bjs! :**

      Excluir
  5. alguém mais chorou com esse capítulo além de mim??(só pra eu ter certeza que não sou besta!kkkk)
    poxa fim de Jemi?!
    e melhoras pra você,heart,fica boa logo!
    e nós já te amamos mesmo sem todo esse esforço,sua boba!
    e uma ótima escritora!;)posta logo!bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkk
      pelos comentários, acho que vc não foi a única baby ;)
      obrigada amore, já estou melhor ^^
      awn <333333 obrigada linda, vc é um amor! #muchlove
      postei baby!
      bjs! :**

      Excluir
  6. Nossa muito triste com esse "fim" de Jemi :(( , veeiiiiii to muiito curiosa cada dia eu me vicio mais na sua historia !! AAAAAAAAAAAAA too amando , uma historia sem um draminha num é uma historia né '?!! KK'
    Beijoos Liinda , Melhoras pra você to amando sua fic *----*
    Poosta Loogo Foofa *-----------------------------------*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. triste né?!
      e esse "draminha" só vai aumentar...
      obrigada amore, por tudo! <3333
      postei linda! ;)
      bjs! :**

      Excluir
  7. omg que capitulo emocionante chorei muitooooo,
    e eu tenho fé que eles ainda vão se rencontrar,
    ai jemi vai nascer de novo ;/
    ta perfeito posta logo bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sabia que qndo escrevi não pensei que ele tivesse ficado tão emocionante :S
      mas pelos comentários, acho que me enganei kkkkk... que bom! ;)
      postei linda!
      bjs! :**

      Excluir
  8. Heyyyyyy Sammyyyyy <333
    Meu Deus que capítulo mais triste. Chorei demais, mas já vi que não foi só eu rs. Eu já sou besta pra chorar e ai vc um capítulo desses e eu me desmancho :'(
    Não acredito que o Joe de casou. Coitada da Demi, mas ela foi bem madura com relação a tudo.
    Nunca pensei que aconteceria tanta coisa em um só capítulo.
    Agora eu fiquei mais curiosa ainda em relação ao bilhete. Como assim ele é a solução de tudo, mas não ajudará em nada?? Fiquei confusa, não sei nem oq pensar. Mas eu espero vc postar pra matar a curiosidade. Melhoras pra vc, não precisa se preocupar em postar o mais rápido possível. Sua saúde vem em primeiro lugar, ok? A gnt consegue esperar mesmo com toda curiosidade.
    O capítulo ficou perfeito como sempre amore *----*
    Nos te amamos, fica boa logo <33333
    Mil beijos linda ;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hey!!! :D
      fiquei surpresa com a reação de vocês...
      eu não escrevi esse capítulo pra chorar, mas acabou que todos choraram... O.O kkkkkkkkkk
      pois é... ele casou :/
      como disse pra Bruna, tudo fará sentido no momento certo! ;)
      Obrigada amore, por tudo!! <33
      Já tô nova em folha! ;)
      postei!
      bjs! :**

      Excluir
  9. AAAAAAAAAAAAAAA
    Perfeito ameiii ♥
    Melhoras pra você viu =D
    Posta logooo
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  10. Jemi ;(
    TRISTE :(
    Omg tá ficando perfeita sua fic, amo que amo ela õ/
    Posta logo pleaseeee
    &' Melhoraspra você :)

    Bjs Maria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que bom que está gostando amore! :)
      Obrigada <3
      postei!
      bjs baby! :**

      Excluir
  11. SOCORROOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO² VAI TUDO EM CAPS NOVAMENTE! XD
    CARA, COMO ASSIM CASAMENTO??? PELO AMOR DE DEUS, VOCÊ QUER ME MATAR?! AI, NEM SEI O QUE COMENTAR PORQUE ESTOU CHOCADA E NÃO IREI SUPORTAR VER JOE E DEMI SEPARADOS! :( E O BILHETE???? LI A RESPOSTA PRA BRUNA NO CAPÍTULO ANTERIOR, PORÉM BRIZEI LINDAMENTE! AINDA NÃO CONSEGUI PENSAR EM NADA! :/
    POSTA LOGO, BABE!
    BEIJO, CAROL! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkk
      não quero matar ninguém... mas acho que você terá que se acostumar com jemi separados por um tempo :X
      lhgkjçgfhgçlfdjlkhjçlfg
      acho que vc não foi a única que brizou não u.u
      mas como disse pra Bruna, tudo fará sentindo no momento certo :)
      postei amore!
      bjs :**

      Excluir
  12. aaaahhhhhhhhhhhhhhhh,ta lindo.
    me desculpe nao estar comentando mais è`que depois que meu blog foi removido eu fiquei uns dias sem net e ela ainda ta muito lenta.
    to amando e me desculpe se eu nao poder comentar em todos copitulo, mas eu to acompanhado a fic ta.

    ps:agora eu vou comentar como anonimo mais em baixo sempre vai ter meu nome.
    beijos e posta logo.

    by: vitoria oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ah, espero que vc melhore porque nao quero uma das minhas escritoras favoritas dodoi [kkkkkkkkkkkkk] e ate doente vc consegui postar e ainda um capitulo lindo. *-----*

      by: vitoria oliveira

      Excluir
    2. own amore, tudo bem!
      pode ficar relax ok?! :)
      AWWNNNN *.* que fofa! <3
      é uma honra ser uma das suas autoras favoritas *--------*
      já tô melhor, obrigada por tudo! :)
      postei baby!
      bjs :**

      Excluir
  13. AHHHHH VEI POXA NÃO FOI COMO EU ESPERAVA....MAS VAMOS VER NO QUE ISSO VAI DAR...KKK MTO ANSIOSA THANKS KKK

    POOOOOOOOOOOSTA LOGOOO KK BEIIJONAS ;]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. muita coisa vai rolar ainda... ;)
      kkkkkkkk
      postei baby!
      bjs :**

      Excluir
  14. Ahhh e melhoras tá? se cuida flor, q fique bem <3

    Beijonas ;]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada amore <33
      já tô bem melhor ;)
      bjs :**

      Excluir
  15. Eii! To de volta :D Só falta mais uma prova pra ficar de férias *0*
    vc tá doente?? de que?? melhoras ta bom garota mimada qnd ta doente? kkk
    Cara.. a Demi vai perdoar o Joe não é?? Como vai ser?? Ele vai largar a Ashley?? Esse filho é mesmo do Joe?? Eu ainda duvido disso.. kkk
    Então sentiu saudade de mim?? kkk sei q sim u.u kkkkkkkkkk-NOP
    POSTA LOGO

    Beijos & Queijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. \o/ ebaaaa...
      tava gripada e tals... é sou mimada sim, culpa da minha mãe u.u kkkkkkkkk
      obrigada linda! <3
      perdoar o Joe ela até pode, mas eles ficarem juntos tá meio difícil :S
      SENTI SIM!!!! \O/ que bom que tá de volta ;)
      postei linda! :)
      bjs :**

      Excluir

Comentem, lindas e façam uma autora feliz! :D