22 de outubro de 2013

Twenty-two

- Oi Demi. – Mike atendeu a porta depois de várias batidas.
- Cadê o Joe? – ela perguntou aflita. – Ele não foi ontem lá comigo pegar o dinheiro e... Porque você está de óculos escuros?
- Por nada, é só conjuntivite. – ele deu de ombros. – Quanto ao Joe, eu não sei e não quero saber e se eu fosse você também trataria de sumir da vida dele.
- Porque você está falando assim? – Demi não entendeu a atitude de Mike.
- Porque eu cansei, Demi. O Joe não tem mais solução. – Ele disse visivelmente irritado.
- Mas você sempre esteve ao lado dele, você não pode desistir agora! – Demi disse aproximando-se mais de Mike.
- O Joe não quer ser ajudado. Ele está se matando e matando a gente também... Não dá mais pra viver em função dele. – Mike disse tentando não chorar e Demi percebeu isso.
- Tira os óculos. – ela pediu calmamente.
- Pra que, Demi eu já disse que é...
- Tira os óculos! – ela pediu mais alto.

Depois de certa relutância, Mike tirou os óculos revelando uma grande macha arroxeada em volta do olho esquerdo que estava muito inchado. Demi não precisou perguntar, pois sabia quem tinha feito aquilo e por quê. Respirou fundo e depois de fazer um breve afago no braço de Mike virou-se em direção da saída.

- O que vai fazer? – Mike perguntou antes que Demi cruzasse a porta.
- Vou apelar pro último recurso. – ela disse olhando por sobre o ombro. – Se isso não der certo, não sei mais o que pode dar...

***

Dois dias depois...                         

- Pra você. – Mike entregou o bilhete da direção da faculdade que estava direcionada a Joe.
- O que é?
- Não sei. – Mike respondeu e saiu pela porta. Eles já não eram mais amigos, mas Joe esquecia disso ás vezes.

O garoto respirou fundo e abriu o envelope, leu rapidamente e depois passou as mãos pelos cabelos. Levantou-se e foi para o banho, precisava se arrumar logo.

Depois de colocar sua melhor roupa e pentear bem os cabelos, Joe seguiu para a sala do reitor da faculdade. Suas pernas tremiam e ele temia cair a qualquer momento. Ao chegar na sala, foi anunciado pela secretária e logo adentrou ao escritório e quase caiu pra trás com o que viu.

Sentados ali, em frente ao reitor, estavam seus pais.

***

A conversa foi longa. Foram três pontos de vistas debatidos: A do reitor que não queria um viciado em sua faculdade; a dos pais de Joe que queriam que o filho tivesse uma segunda chance; e a de Joe, que de certa forma, pouco importava, visto que ele era uma espécie de réu em um julgamento sem aviso prévio. A ele só cabia esperar a sentença, que veio em forma de um balde de água fria.

- Então está certo, Joe fará o acompanhamento psicológico aqui mesmo na faculdade. – sentenciou o reitor e para Joe só faltou que ele batesse o martelo.

O garoto não pode reclamar e, de certa forma, ele sabia que o pior ainda estava por vir, pois ainda não tinha tido a conversa a sós com seus pais.

“Estamos muito decepcionados com você”
“Onde nós erramos?”
“Por quê?”
“Você é um irresponsável!”

Essas foram apenas algumas frases deferidas pelo senhor e pala senhora Jonas. Claro, todas elas regadas a muitas lágrimas que era pra fazer com que Joe se sentisse ainda pior. A única coisa que ele conseguiu dizer foi: desculpa.

Assim que seus pais saíram da faculdade, Joe caminhou bufando até seu dormitório. Mike pagaria por ter quebrado sua promessa.

- Eu avisei pra você não colocar meus pais nessa história! – ele disse assim que entrou no quarto e imprensou o ex-amigo na parede.
- Do que você está falando? – Mike dizia com dificuldade.
- Você ligou pros meus pais, não foi? – Joe disse tentando controlar a raiva.
- Eu não fiz isso, cara! – Mike disse com uma expressão tão confusa que Joe não pode deixar e acreditar.
- Mas então quem... – Joe não precisou nem pensar muito. Claro, se não foi Mike só podia ter sido ela. Demetria!

***

- Abre a porra dessa porta, Demetria! – ele gritava enquanto esmurrava a porta do quarto.
- Ei, que escândalo é esse? – a garota abriu a porta e o encarou assustada.
- Quem mandou você se meter na minha vida? – ele perguntou enquanto entrava no quarto sem pedir permissão.
- Do que você está falando? – ela quis saber.
- Não se faça de idiota! – ele disse revoltado. – Você ligou pros meus pais e contou tudo pra eles!

Demi engoliu em seco e lembrou-se do fato.

- Eu só estou querendo te ajudar, Joe...
- Ajudar? Você está querendo me ajudar? – ele perguntou meio sarcástico. – Se você visse a cara que minha mãe fez... E meu pai! Por Deus, Demi, você destruiu a minha vida!
- Foi a única saída que eu encontrei ou você ia se matar aos poucos! – ela disse quase gritando.

Joe respirou fundo e piscou os olhos lentamente. Nunca pensou que falaria aquilo, mas não via outra saída.

- Acabou, Demi.
- O quê? – ela perguntou atônita.
- A gente! – ele disse fazendo um sinal com a mão que indicava eles dois. – Não dá mais, desculpa...

Demi nada disse, mas conseguia sentir os olhos encherem de lágrimas.

Joe caminhou até porta passando por ela e quase mudou de ideia quando sentiu o perfume da menina impregnar suas narinas.

- Um dia você vai entender que o que fiz pro seu próprio bem...

Joe escutou essas palavras antes de sair do quarto, porém em nada mudou sua opinião. A última coisa que Demi ouviu foi a porta batendo atrás de si. 



Continua...


n/a: Amores meus! <3 Sorry, sorry, sorry... mas vou ficar devendo MAIS UMA VEZ as respostas, mas gente minha vida está uma loucura, provas, seminários, trabalhos e práticas... tô pra ficar louca! Entro aqui só com tempo de postar o cap. e falar um pouquinho com vocês por meio dessa nota :) Espero que gostem do capítulo, juro que estou me esforçando pra escrever algo bem legal pra vocês nessa reta final da fic! Muito obrigada a todas que comentara e as novas seguidoras sejam muito bem vindas! :DAté próximo post, lindas, beijos! :***



14 comentários:

  1. Coitada da Demi, ela simplesmente fez o q era certo. O Joe tmb viu aff, ele deveria agradecer por tudo q a Demi e o Mike fizeram por ele.
    Posta logo
    bjusss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. as vezes as pessoas ficam cegas demais né?!
      Mas um dia ele vai entender ;)
      bjos, linda! :**

      Excluir
  2. Joe cabeça dura...tá vendo que a demi fez isso para o bem dele...
    Espero que ele pense melhor e faz o tratamento...
    Posta logo
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cabeça dura ele né?!
      mas ele um dia vai ver que pisou na bola ;)
      beijos, amore! :**

      Excluir
  3. tadinha da Dems,foi a única que fez a coisa certa e leva essa na cara! Mas ficou perfeito o cap,posta logo! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso acontece tanto na nossa vida...
      nem sempre as pessoas valorizam aquilo que fazemos por ela... u.u
      obrigada, amor!
      beijos! :**

      Excluir
  4. Sammy, meu amor jegoulfveo olha, eu sei que no final dá tudo certo, mas meu coração tá apertado demais aqui <3 <3 (se isso é possível)
    beijocas!! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acho que ele vai ficar mais apertado agora :/
      desculpa...
      beijos amore! :**

      Excluir
  5. AI MEU DEUS, eu escrevi um comentário grandão mas ele foi cortado ao meio :(( bom, era só pra dizer que eu tô morrendo de curiosidade e que você ainda disse que tinha uma surpresa.... *o* posta logo, linda! a fic tá mais que mais que mais que perfeita *-* te amoooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahahahaha acontece...
      vai sim, achoque o último cap. e o epílogo vai surpreender um pouco. nada de muito extraordinário, mas vai ser bem legal! ;)
      obrigada, meu bem!
      beijoooooos! :***
      amo-te! <33

      Excluir
  6. OOIIIEEEEE tudo bem?!
    Faz muito tempo que não entro aqui... Na verdade, faz muito tempo que não acesso a internet, mas quando eu acesso é pelo celular, e eu não estou conseguindo comentar por lá... Mas eu consegui mexer pelo computador hj...

    Essa fic é perfeita MEO DEOS, O bobão do Joe gritou com a minha Demi... Eu não gostei u.u Ela fez isso pro bem dele poxa!! Ele mereceu!! Mas eu to ansiosa pro finaaaaaaaal...
    Até o próximo post =D bye linda!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oooooooiiiiiiiiiieeeeeeee!!!!! :D
      tudo bem linda e vc?
      senti sua falta mesmo u.u
      obrigada, minha linda! <33 vc é uma fofa! *-*

      o final tá chegando hein... espero que goste!
      beijos, baby! :***

      Excluir
  7. Nao pera, não gosto mais dessa fic serio, me fala meu amor que eles não vão acabar desse jeito nossa, seria crueldade com a minha pessoa,serio


    Posta logo antes que eu morra de ansiedade, céus
    Beijos! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. não gosta mais :((( poxa... :'((((
      a fic ainda não acabou baby, coisas ainda vão acontecer e tudo pode mudar... espero que ainda continue lendo! ;)
      não morra, pleaseeee... hahaha
      beijos amore! :***

      Excluir

Comentem, lindas e façam uma autora feliz! :D